Novembro Azul

CRCSP promove a campanha em São Paulo e nas delegacias do interior

Novembro Azul

O CRCSP apoia a campanha Novembro Azul, cujo objetivo é chamar a atenção dos homens em relação ao câncer de próstata. A campanha é feita na sede, em São Paulo, e nas 145 delegacias do CRCSP no interior. A data 17 de novembro é considerada o Dia Mundial de Combate ao Câncer de Próstata e as ações de conscientização estendem-se por todo o mês.

O CRCSP vai arrecadar bonés na sede e nas delegacias, que serão doados e entidades que apoiam pacientes com câncer.

De acordo com uma pesquisa sobre incidência de câncer no Brasil, realizada pelo Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva (Inca), estima-se que haverá 61.200 novos casos de câncer de próstata, somente em 2016. Este é o tipo de câncer mais comum entre homens no país, sendo superado apenas pelos tumores de pele não melanoma.

A Sociedade Brasileira de Urologia (SBU) alerta que 51% dos homens nunca foram ao urologista. Esse dado é alarmante se considerarmos que o diagnóstico precoce do câncer de próstata é essencial para o tratamento curativo. Se o caso for diagnosticado logo no início, as chances de curam ficam em torno de 90%. Por isso, o ideal é que sejam realizados exames anuais a partir dos 50 anos de idade.

A SBU menciona como fatores de risco a obesidade, sedentarismo, histórico familiar, alimentação inadequada (à base de gordura animal e deficiente em frutas, verduras, legumes e grãos), raça (maior incidência em negros) e idade (62% dos casos aparecem em homens a partir dos 65 anos de idade).

Alguns sintomas de câncer de próstata são: vontade de urinar com urgência, dificuldade para urinar, levantar-se várias vezes à noite para ir ao banheiro, dor óssea, queda no estado geral, insuficiência renal e dores fortes no corpo. Como esses sintomas só aparecem nos casos avançados, os exames anuais são fundamentais para diagnóstico precoce.